FTA 2019: Festival de Dança – 08/09

A 21ª Festa do Tirense Ausente encerrou-se com muita música e dança no último domingo (08/09), com o momento “Festival de Dança”, que todos os anos é responsável por levar um grande público para a Praça Santo Antônio.

Apresentação da APAE na 21ª Festa do Tirense Ausente

Os alunos e professores da Escola de Educação Especial Dona Flaviana (APAE de Tiros), prepararam uma emocionante apresentação para os presentes e para homenagear o casal Grasiella Aparecida Silva Bontempo e Júlio César Bontempo de Melo, no momento Festival de Dança, realizado na 21ª Festa do Tirense Ausente.

Posted by Tiros Web TV on Wednesday, 11 September 2019

Envolvidos com a beleza do sons e dos movimentos, a Academia Corpo e Movimento, a Escola Estadual Padre José Coelho, o CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) e a APAE prepararam com carinho o momento para alegrar os presentes e em especial para homenagear o casal Júlio César Bontempo de Melo e Grasiella Aparecida Silva Bontempo.

Biografia de Júlio César Bontempo de Melo e Grasiella Aparecida Silva Bontempo

Júlio César Bomtempo de Melo nasceu em Tiros no dia 20 de maio de 1969. É filho de José Almério de Melo e Elza Bomtempo de Melo. Sua infância foi muito divertida. Adorava jogar bola, brincar de pute-esconde, garrafão, pescar e nadar com seus amigos e irmãos. Estudou na E.E. Padre José Coelho até terminar o Ensino Fundamental. Desse tempo se recorda dos colegas Veronice e Paulo Newton que cercavam os colegas para deixarem de ir à aula na sexta-feira para fazer galinhada. Na adolescência ajudava o pai na fazenda, mas como muitos tirenses deixou a terra natal para viver o sonho da América. Viveu 07 anos em Nova Iorque onde trabalhou de garçom. Hoje é produtor rural e, em sua fazenda desenvolve a pecuária e agricultura. Um dos fatos mais marcantes de sua profissão foi o momento em que passar a tirar o leite em ordenha, uma evolução necessária para aumento da produção leiteira.

No dia 08 de setembro de 2000 casou-se com Grasiella Aparecida Silva Bomtempo, filha de Osmar Luís da Silva e Maria Nilma Matos. Eles tiveram duas lindas meninas: Ana Paula e Ana Júlia. Grasiella nasceu em São Gotardo no dia 18 de julho de 1980. Teve uma infância muito boa e se lembra das brincadeiras nas ruas, dos almoços de domingo, das histórias e lendas que os pais contavam. Ia muito para a casa da Cledes do Pereira e da Margareth do Zé Maria só para ouvir as histórias. Gostava também de ir para a casa da D. Nininha brincar com o João Alexandre e dar muitas risadas. Guarda todas essas lembranças com muito carinho. Estudou na E.E. João Francisco Capetinga e na E.E. Padre José Coelho. Atualmente está terminando o curso de Administração pela FAP. Quando estudante gostava dos ensaios para o desfile de 07 de setembro, dos campeonatos de vôlei nas cidades vizinhas e das peças teatrais que ensaiavam na casa da Dagmar. Ela, às vezes, tinha que pegar um rodo e sair correndo atrás dos “atores” porque eles não eram assim tão bonzinhos! Os colegas Eliano, Andréa, Ivone, Daniel Olegário, Ludmilla, Gilma, Vanessa Sasaki, Tiago, Marcão e Juninho Branco devem se lembrar bem dessa época. A peça “Helena” jamais será esquecida por nossa homenageada.

Grasiella foi comerciante, proprietária de uma boutique. Hoje é empresária da Academia Corpo e Movimento, um sonho que se realizou, pois ela ama esportes e ginástica. O casal Júlio César e Grasiella gosta de viajar com boas companhias e estar sempre entre os amigos. Participam de campanhas beneficentes para ajudar em casos de doenças, projetos de Natal, Páscoa e pessoas carentes. Prestam vários tipos de serviços voluntários na Igreja e são ativos na campanha para arrecadação de recursos para o Hospital do Câncer Hélio Angotti de Uberaba, sendo um exemplo de dedicação e amor ao próximo em nossa comunidade.

Para Julinho e Grasiella, a família é tudo. Ele diz que a família o fortalece nos momentos em que mais precisa de apoio, tem um carinho muito especial pelos pais e irmãos. Agradece a Deus por ter ao seu lado as duas filhas e a amada esposa. Grasiella sente muito a falta dos pais, mas é muito feliz ao lado das filhas, suas pedrinhas preciosas, do esposo que é muito especial, da avozinha Iracema e dos irmãos.

O casal tem muitos amigos com quem gostam de compartilhar bons momentos. Ela tem alguns amigos que estão distantes e outros se foram para morar ao lado de Deus, porém permanecem em seu coração. Gostaria até de citar os nomes, mas isso seria impossível devido ao tempo que é curto e ao tamanho da amizade e gratidão que sente pelos seus amigos que a ajudaram sempre.

“A cidade de Tiros representa a minha vida, minha história, minha família”, diz Grasiella. Para eles, esta pequena comunidade é formada por pessoas de um grande coração, batalhadoras e que acolhem a todos e nunca desistem de seus sonhos. Esta homenagem é um momento de muita alegria para Julinho e Grasiella. É muito gratificante saber que são reconhecidos pelos seus valores, pelo trabalho que fazem, tanto profissional, quanto voluntário. A lembrança deste dia será guardada com muito carinho e gratidão por este casal que alegra nossa festa com sua presença todos os anos.

E assim encerramos a divulgação da 21ª edição da Festa do Tirense Ausente! Até 2020 leitores…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Desenvolvido por: Latere Web